Estas palavras

As palavras aqui apostas
Advêm de impulsos difusos
Um tanto ou quanto confusos
De cerebrais funções compostas
Sob a capa dum momento
A fluir no espaço-tempo.
E são a termodinâmica,
Química e física quântica
Que são fruto dos impulsos
Que intentam de explicar:
Uns calmos outros convulsos
Ou até de estropiar.
Outros impulsos estas lerão,
As palavras que aqui estão.
Acabam por começar
A mais impulsos gerar
No sabor doutro momento
Noutra cabeça, noutro tempo.
São os sinais da inteligência
A moer na consciência,
A falar ao coração
De quem as lê com atenção.

Sobre Sérgio O. Marques

Licenciado em Física/Matemática Aplicada (Astronomia) pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto e Mestre em Matemática Aplicada pela mesma instituição, desenvolvo trabalho no PTC (Porto Technical Centre) - Yazaki como Administrador de bases-de-dados. Dentro o meu leque de interesses encontram-se todos os temas afins às disciplinas de Matemática, Física e Astronomia. Porém, como entusiasta, interesso-me por temas relacionados com electrónica, poesia, música e fotografia.
Esta entrada foi publicada em Poemas. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s